Manifesto aos jovens brasileiros

- Sociologia -

Então, esperançosos jovens, cheguem bem perto e ouçam atentamente o pedido que lhes faço e que é tão somente o assentimento para o que segue:

Há, na Antropologia, um conceito denominado tendência étnica. Não consideraremos aqui, por que um povo tem tal ou qual tendência. Mas tem! Nos anos sessenta, os bravos estudantes brasileiros protestavam ferozmente contra os desmandos dos governantes de então. Aqueles governantes porem, ou estão hoje aposentados ou já faleceram; deixando seus cargos para a nova geração, representada justamente por aqueles estudantes, os quais agora governam o País. Se eram realmente bem intencionados, aqueles estudantes, então por qual “máquina de entortar homens” teriam passado? 

Mas agora, caros jovens, os homens entortados também já não nos interessam aqui. É de vocês que pretendo falar: vocês bem sabem que, por força da inexorabilidade, em breve o destino de nossa Nação estará em vossas mãos; e é por isso que ao invés de amaldiçoar os maus Políticos, volto-me para vocês. Estamos falando nesse momento de todos os jovens adolescentes brasileiros que, graças às circunstâncias sócio-econômicas, são favorecidos pela probabilidade de se tornarem governantes.

Por favor, considerem nobremente: Temos uma Pátria que é só nossa, e é também a única que temos! Em qualquer outra parte, seremos tratados como estrangeiros. O destino dessa  grande Pátria, dessa grande Nação, e desse grande País estará efetivamente em suas mãos, jovens brasileiros! Aqueles que tem a voz sufocada pelo horror do abandono, e que por não poderem se defender, atacam indiscriminadamente; eles também dependerão de vocês  para livrarem ao menos a prole, do funesto destino.

Precisamos ver o jovem pobre frequentando bons colégios e clubes comunitários com assistência orientada; e sendo encaminhados aos seus bons empregos, cujos proventos lhes possibilitem adquirir suas roupas bonitas, bicicletas, motos ou carros; para poderem passear com suas também felizes namoradinhas, em seus dias de folga, quando então estarão livres da terrível tentação da criminalidade. E serão vocês que, enquanto governantes, ao invés de espoliá-los através do ignominioso desvio de verbas, os assistirão com a solidariedade fraternal, se não paternal. Por amor a essa nossa grande nação, e por respeito às suas famílias, não cedam às tentações, jovens brasileiros. Evitem que a justa e esmagadora  mão do Grande Pai, tenha que abater-se sobre nós, para punir nossa corrupção.

Todo esse descalabro, toda essa insanidade social, toda essa famigerada vergonha corrupta e corruptora; tudo isso devemos ver com olhos benfazejos. Devemos antever que todo esse sofrimento atroz, teria propiciado o momento histórico para que vocês, jovens brasileiros, possam mostrar ao mundo inteiro, como se imprime em um povo, a mudança de uma torpe tendência chamada corrupção.

É necessariamente inevitável que a presidência da república e o comando das grandes instituições, incluindo os ministérios, as forças armadas e  todas as polícias; e a direção das grandes empresas estatais; dos grandes bancos; dos grandes meios de comunicação e das grandes e pequenas indústrias; estarão brevemente em suas mãos, jovens brasileiros! E dessa boa gestão dependerá o futuro do nosso povo.

Estamos falando enquanto suas mãos e suas consciências ainda estão limpas e assim poderão ser mantidas.  Agora mesmo, em suas tenras adolescências, vocês já  podem praticar um imenso bem ao nosso País: se porventura perceberem que seus pais, enquanto maus servidores públicos, chegam em casa vangloriando-se das misteriosas contas bancárias, repudiem-nos gravemente. E peçam às suas diletas mães, para heroicamente, fazerem o mesmo.  Não permitam que esses “abortadores de gênios” lhes favoreçam com o ganho fácil, pois esse,  não somente atrofiará vossa genialidade, mas maculará vossa honra.

É o que lhes peço, caríssimos.

6 comentários:

  1. interessante apelo à correção dos desmandos
    políticos. sec- Suely

    ResponderExcluir
  2. Sonia Bruno comenta: realmente, é importante alertar os jovens quanto às suas responsabilidades futuras, pois serão eles que inegavelmente virão a governar esse grande pais.

    ResponderExcluir
  3. Eu, como jovem brasileira estou disposta a construir um Brasil melhor! Dizer que a corrupção vai ser extinta é mito, mas que ela sera muito reduzida e chegará a quase 0%, tenho esperança de que ira acontecer! O blog é um incentivo maravilhoso para a mudança do nosso país, com luta as mudanças ocorrem!

    ResponderExcluir
  4. Maria Elisa Pereira28 de agosto de 2011 23:43

    POR trabalhar com jovens ,questiono muito sobre a situação do nosso país.
    Tento incurtir em deus pensamentos a necessidade de um cidadão com carater e consciente de seu papel em nossa sociedade eo valor de seu amadurecimento político para uma reforma em nossa política tão desprovida de seriedade e respeito.
    Melisa

    ResponderExcluir
  5. O texto expressa um desejo ardente dos educadores com os quais convivo. Nossos jovens das classes populares , algumas vezes se desviam do caminho por uma coisa tão simples e que o autor captou: comprar um roupinha legal, sair com a namoradinha, estudar num colégio bom... Profissionalizar e capacitar esse jovem para o trabalho que lhe dê dignidade, honra e voz para acabar com a baderna que os políticos sujos fazem, com desvios de verbas que poderiam ter este destino e acabam indo parar em contas de paraísos fiscais... Parabéns, Amorim. Posso encaminhar o texto para alguns amigos?

    ResponderExcluir
  6. E que a voz da justiça não seja sufocada na boca daqueles que acreditam numa nação mais justa e feliz, que não desanime as mãos dos raros que trabalham a esse favor e que a mente destes nunca sejam modificadas nem contaminadas com a fumaça suja da corrupção vergonhosa de nosso País.
    Aqueles que estão a frente do povo que sofre não só pelas dificuldades financeiras , mas pelas injustiças silenciadoras por homens de má fé que com certeza não terá o trono eterno, mas a vocês meus guerreiros que lutam por um mundo melhor que que Deus lhes dê forças para que a esperança não seja apagada de olhos sofredores.

    Um grande abraço!!!

    Marília Chagas(Paraiba).

    ResponderExcluir

Páginas